Get Adobe Flash player

25ª Tripla-Légua

Inscrições abertas!

cartaz 2018.1

Regulamento

Flyer

Nota: O pagamento é feito no prório dia, mas não haverá devolução de custo de inscrição para faltosos...

 

Assembleia Geral Eleitoral

Dia 08 de setembro

...Para que o Passado do Atlético se mantenha Presente no seu Futuro!

aviso015

Apresenta a tua lista!

Assegura a continuidade de um ícone do atletismo regional!

 

Como não foi apresentada qualquer lista, ficou decidido:

1. Convocar nova Assembleia Geral logo que surja lista válida;

2. Convocar AG eleitoral durante o mês de dezembro (período normal)

 

Campeonato Nacional de Clubes

CAMPEONATO NACIONAL DE CLUBES - Braga (21 e 22/7)

braga18
 
No passado fim de semana realizaram-se em Braga as finais de clubes, onde o Atlético Clube de Vermoil esteve presente a disputar a 3ª divisão nacional tanto com a equipa masculina como com a equipa feminina. Recorde-se que para participar nesta fase final o Atlético Clube de Vermoil teve de disputar o apuramento e onde conseguiu pelo 3º ano consecutivo em femininos e 4º em masculinos estar presentes na fase final de clubes. Relativamente às classificações coletivas a equipa masculina obteve um 6º lugar, melhorando o 7º lugar com que se apurou. A equipa feminina conseguiu alcançar um 7º lugar, um pouco abaixo do lugar alcançado no apuramento, devido a ausência de algumas atletas por vários motivos não puderam dar o seu contributo. Apresentamos ambas as equipas com alguns atletas já com larga experiência nestas andanças, mas acima de tudo com muita juventude, sendo esta a nossa principal aposta e motivação em termos de trabalho e evolução. 

Em termos individuais, apesar dos resultados coletivos não transparecerem (devido à heterogeneidade da equipa) este foi o ano onde talvez conseguimos obter maiores resultados de relevo, faltando somente que consigamos ter a equipa mais homogenia e equilibrada por cima. O maior destaque vai para Ana Luísa que vence categoricamente as provas de 800m e 1500m, sem dar quaisquer hipóteses às restantes adversárias, tendo esta época uma evolução de enorme relevo. Depois destacar os 2º lugares do veterano e treinador George Silva no salto com vara, estafeta 4x100m feminina e do João Mota nos 400m Barreiras progredindo mais de 3s e obtendo mínimos para os campeonatos nacionais de esperanças. Com lugares de pódio e prestações brilhantes apresentamos Lucas Dias e Beatriz Matias nos 100m ambos com novos recordes pessoais, Helena Morgado e Bryan Rodrigues no Triplo Salto e por fim Kevin Santos no Salto em Comprimento. Por fim realçamos os lugares e as provas realizadas por João Ferreira nos 400m (5º e novo recorde pessoal) e 800m (4º), Bruno Gomes nos 1500m (4º) e 3000m (4º), Bruno Gaspar nos 5000m (4º), Tiago Pereira no Lançamento do Peso (4º), estafeta 4x100m masculina (4º), Kevin Santos e Sheila Silva nas Barreiras curtas (4º), Helena Morgado no Salto em Comprimento (4º), Liliana Neves nos 5000m (5º) e Sofia Gonçalves nos 400m Barreiras (5º).

Um muito obrigado a todos pelo empenho, entusiasmo, capacidade lutadora, carácter e acima de tudo pelo enorme espírito de camaradagem/grupo evidenciado neste fim de semana em representação das cores do Atlético Clube de Vermoil. Seguem todos os resultados dos nossos atletas que dignificaram o nosso clube, o nosso concelho e a nossa região na competição de atletismo mais importante em Portugal. 

Masculinos
João Mota 400m Barreiras 2º 58,18
George Silva Salto com Vara 2º 3,82
Bryan Rodrigues Triplo Salto 3º 13,89
Lucas Dias 100m 3º 10,98
Kevin Santos Salto em Comprimento 3º 6,25
Kevin Santos 11om Barreiras 4º 16,91
João Ferreira 800m 4º 1.57,68
Bruno Gomes 3000m 4º 9.17,83
Bruno Gomes 1500m 4º 4.17,71
Bruno Gaspar 5000m 4º 16.00,30
Tiago Pereira Lançamento do Peso 4º 10,76
João Silva, Lucas Dias, George Silva e Bryan Rodrigues 4x100m 4º 44,83
João Ferreira 400m 5º 51,90
Lucas Dias 200m 6º 22,97
Rui Duarte 5000m Marcha 6º 31.44,48
Carlos Alves 3000m Obstáctulos 7º 11.08,31
João Mota Saltos em Altura 7º 1,60
Kevin Santos, Carlos Alves, João Ferreira e Daniel Barbosa 4x400m 7º 3.43,51
Francisco Rosário Lançamento do Dardo 7º 41,12
George Silva Lançamento dos Disco 8º 25,48
Tiago Pereira Lançamento do Martelo 8º 29,21
Coletivo 6º 86,5pts

Femininos
Ana Luísa Pedrosa 800m 1º 2.22,55
Ana Luísa Pedrosa 1500m 1º 5.06,78
Sheila Silva, Beatriz Matias, Adriana Amaral, Bruna Cardoso 4x100m 2º 53,38
Helena Morgado Triplo Salto 3º 10,49
Beatriz Matias 100m 3º 13,08
Sheila Silva 100m Barreiras 4º 18,46
Helena Morgado Salto em Comprimento 4º 4,84
Sofia Gonçalves 400m Barreiros 5º 73,95
Liliana Neves 5000m 5º 21.21,16
Bruna Bom Lançamento do Peso 6º 8,91
Sílvia Silva 3000m Marcha 6º 19.59,44
Inês Santos 3000 Obstáculos 6º 14.18,96
Bruna Bom Lançamento do Martelo 6º 21,93
Inês Santos 3000m 7º 12.18,74
Adriana Costa, Inês Santos, Sheila Silva e Ana Luísa 4x400m 7º 4.50,18
Sofia Gonçalves 400m 7º 66,25
Bruna Cardoso Salto em Altura 7º 1,32
Adriana Costa Lançamento do Disco 7º 17,62
Bruna Cardoso 200m 8º 30,28
Adriana Costa Lançamento do Dardo 8º 16,70
Coletivo 7º 77pts

 
 

7º Meeting ACV + CD 5 e 10..000m

A Liberdade no desporto

meet7O Estádio Municipal de Pombal encheu-se, neste feriado, com centenas de miúdos e alguns graúdos, celebrando a riqueza que abril nos trouxe. De facto, uma das melhores coisas que os capitães da Revolução nos legaram foi o direito à prática do desporto, em condições funcionais. Pombal têm-nas, e foi numa delas que todo aquele mundo de juventude celebrou esta quarta feira.

Uma palavra, desde já, para dar um belo exemplo do dia que se celebrava: quando estava para ser dado o tiro de partida para a última série de uma das competições, eis que se apresenta a senhora Atleta - dos seus 6/7 anitos - e ... alto lá, que também quero! O júri, renitente com o cumprimento rigoroso dos regulamentos ... que nim. Mas abril foi isso mesmo. As lágrimas são armas poderosas e impuseram-se. Aquela deixou de ser a última série e a outra contou com ela. (Um beijinho, Inês!)

Nunca tal tinha sido visto. Mais de novecentas (900) inscrições!

Record absoluto em competições do género, na ADAL e arredores.

Num evento que era para durar cerca de quatro horas, levou mais de sete! A tarde deu lugar à noite e foi já de luzes acesas que acabou esta festa (jovem) organizada pelo ACV e pela ADAL.

Claro que havia resultados para aqui serem referidos (eles podem ser vistos em: http://www.adal.pt/pdf/2017-2018/resultados/resultados%20meeting%20acv%202018.pdf) mas preferimos atribuir a vitória a todos e a cada um. Só perdeu quem não passou por lá!

Paralelamente (melhor apropriado, no final) decorreu a outra competição do programa: Campeonato Distrital de 5.000m (F) e 10.000m (M). Competição conjunta de Leiria e Coimbra. Também aqui, novo record de participações: só de Leiria, 80 inscrições! É claro que não compareceram todos mas, ainda assim, foram precisas três séries para a levar a cabo; um feminina e duas masculinas.

Para a história ficará certamente a vitória e o respetivo título de campeã distrital em veteranas para a LILIANA NEVES. Foi terceira na geral e a ELSA SOARES fez 10º e 6ª no escalão. Curiosidade, nesta prova, as quatro primeiras foram todas campeãs (Sub 23, senior, veterana e junior)!

Nos homens, pelas nossas cores, os melhores foram o CARLOS ALVES, 9º da geral, vice campeão de seniores (e campeão de sub 23, se houvesse,,,) e PEDRO FERREIRA foi 14º da geral e 6º veterano (5º de Leiria e 2º no escalão, se houvesse). Depois seguiram-se, o AMILCAR BRITO, 15º/8º SM (4º de Leiria); JOAQUIM QUITÉRIO 17º/6º/5ºL (3º M40, se...); JOSÉ MENDES e EUGÉNIO MENDES correram na segunda série, posicionando-se na 11ª e 21ª posições, respetivamente. De referir que nas duas séries não completaram a prova 12 atletas (seis em cada). Foi o caso do BRUNO GASPAR que foi forçado a desistir quando liderava a prova, a cinco voltas do final. O mesmo havia acontecido ao NARCISO FABIÃO na volta anterior.

Não faço referência aos tempos porque a forte brisa de norte que se fazia sentir, foi impeditiva à obtenção de marcas significativas.

Para a história ficará, certamente, o êxito absoluto desta manifestação desportivo, numa magnífica tarde de Primavera.

Fotos ACV, AQUI

 

 

Corrida do Bodo

O vício de correr no Bodo

Todos os anos é a mesma coisa...

lilianaPode-se argumentar de estar no fim da época; de toda a gente 'estar pelos arames'; que o dia convida para outras atuações e que o percurso até é durinho que baste, mas...

Ninguém falta. Bodo é Bodo!

A mística da prova pombalense distribui-se entre as duas ou três dúzias de craques que se apresentam para disputar os (bons) prémios monetários e as centenas de todos os outros que fazem questão de vir ... porque sim! Este ano, dada a minha particular limitação física, que me obrigou a circular a menos velocidade, pude ser testemunha e companhia de gente 'nova' que dá, tem dado, os primeiros e difíceis passos na corrida. Para estes, queria deixar claro - fruto da minha larga experiência - que a Corrida do Bodo está longe de ser uma prova fácil, provando, assim, que o vosso desempenho e perseverança é digno de registo. Parabéns!

Entre o grupo daqueles que se esmeram para gastar os 'últimos cartuchos' da época aferindo e comjugando os seus interesses escalonários pessoais e coletivos, encontram-se, naturalmente, os atletas do ACV: um lugar entre os três primeiros do seu escalão; o primeiro atleta do concelho e, os sete melhores - da tarde - um lugar entre as cinco primeiras equipas. Desde metade da prova sem dois dos seus melhores operadores do objetivo, os restantes colegas não se amedrontaram e demonstrando que há 'material' para dar e vender conferiram um honroso 4º lugar. Note-se que, desde que o Bodo é "Corrida", o Atlético esteve sempre entre as primeiras equipas!

Lugar Atleta Tempo
30º MIGUEL ANGELO 34:37
63º PEDRO FERREIRA 37:28
66º AMÍLCAR BRITO 37:35
70º LICÍNIO CARREIRA 37:45
105º JOAQUIM QUITÉRIO 39:25
120º JOSÉ SANTOS 40:11
149º JOSÉ MENDES 41:18
177º MÁRIO HENRIQUES 42:50
181º HELDER MIRANDA 42:52
183º LILIANA NEVES 42:57
232º BLANDINA LOURENÇO 44:36
254º VITOR LOPES 45:28
357º NUNO MARQUES 50:05
363º INÊS SANTOS 50:14
377º CAROLINA MATIAS 50:55
380º ALFREDO SANTOS 51:00
384º LEANDRO SANTOS 51:23
388º EUGÉNIO MENDES 51:47
408º ELSA SOARES 53:46
437º ADRIANA COSTA 56:17
- BRUNO GASPAR -
- NARCISO FABIÃO -
- DIOGO OLIVEIRA -

bodoDestacar, ainda, que a Liliana foi a melhor atleta do concelho e quarta F35 e a 5ª foi a Blandina, e que o Miguel foi segundo classificado nos M45.

Na Corrida da Farturas (3 km) participaram: CARLOS ALVES (4º), DANIEL BARBOSA, PEDRO SANTOS, SHEILA SILVA, BRUNA CARDOSO, BEATRIZ SILVA, PEDRO FREIRE e CÁTIA NOGUEIRA.

O ACV entra, agora, no período de descompressão com as corridas na areia da praia (Dia 05 no Pedrógão e dia 12 em Peniche).

Boas férias!

 

 

Corrida dos Gambuzinos

Gambuzinos é connosco!

gamb1Cinco edições, cinco vitórias coletivas do Atlético Clube de Vermoil. Se juntarmos mais três vitórias ndividuais, estaremos perfeitamente no topo dos caçadores do abstrato e imaginário duende.

Este ano, na ressaca do afastamento de Portugal do mundial de futebol, foi vê-los e vê-las por tudo o que era canto, escadas, túneis e veredas apertadas: estava aberta a caça aos gambuzinos! A meio do percurso, em plena portaria do castelo e em cima do tapede de controle (ao que parece, depois da partida, basta lá ir e voltar, ao Cardal...), havia quem contasse por gambuzinos cada uma das luzinhos que embelezavam a nossa cidade: quem acertasse... ganhava o "gambuzino de ouro".

Mais a sério, alerta-se que, para competir, o percurso é ... perigoso!

Para a diversão, é magnífico e... até dá para fazer umas corridas!

Como a prova é, dita, de competição chamava a atenção da organização para a falta de sinalização (onde é que param as placas dos primeiros anos?), iluminação em muitos sítios perigosos e/ou falta de alguém para alertar do perigo. Outro promenor que não pode deixar de ser destacado: fitas vermelhas, de noite???!

Para a história fica a longa permanência da coroa na cabeça do Pedro Ferreira que, só por volta da uma da manhã, se viu batido pelo vencedor.

Assim, para a vitória coletiva (ninguém ganha ao ACV!) contribuiram:gamb2

PEDRO FERREIRA, 2º da geral e 1º veterano, com 30:16; CARLOS ALVES, 3º da geral e 2º sénior, com 30:32; JOSÉ SANTOS, 17º da geral com 33:53; DANIEL BARBOSA, 18º da geral e vencedor em sub 20, com 34:06 e JOAQUIM QUITÉRIO, 22º da geral com 34:30.

Depois seguiram-se o VITOR LOPES, 138º com 42:28; EUGÉNIO MENDES, 159º com 43:28; ELSA SOARES, 164º e 4ª veterana, com 43:48; ALFREDO SANTOS, 166º com 44:01; ADRIANA COSTA, 392º com 58:16; PEDRO FREIRE, 479º com 1:06:36 e CÁTIA NOGUEIRA, 481º com 1:06:53.

Os vencedores da prova principal foram os, também pombalenses, JOÃO GONÇALVES, do "Lama Solta" do Louriçal, em masculinos e a MILENE SANTOS, do GAU da Bajouca, em femininos.

Completaram as provas cerca de mil participantes com as inscrições a esgotarem quase uma semana antes.

Classificações, AQUI

Fotos ACV, AQUI

Próxima prova, também obrigatória: Corrida do Bodo, dia 28

 

 

Corridas da Pascoela

Corrida da Paz - Fátima

fatimaDispensada a proteção civil...

Com a 'reforma' da Gizelle, e o seu consequente retiro, quae um mês depois, estavam reunidas as condições para concluir a "Corrida da Paz". De facto, a imtempérie do dia 11 de março levou, na altura, a Proteção Civil de Ourém a cancelar a prova. Desta vez, tudo ok e, não fora a fresquinha brisa que é habitual por terras da Cova da Iria e as condições seriam as ideais.

Dos nove atletas inscritos, o ACV garantiu a presença de oito, quase todos eles, no entanto, inscritos para dose dupla neste fim de semana...

O BRUNO GASPAR ombreiu com a la finesse externa à região e classificou-se em quarto lugar da geral.

fatima 2O JOAQUIM QUITÉRIO foi segundo no escalão de M40 e o SERGIY CHONKA foi 5º.

Enquanto que o HELDER MIRANDA obteve o 4º lugar o EUGÉNIO MENDES ficou-se pelo 5º, nos seus escalões.

Em representação do NARCISO, o MIGUEL fez a prova de estrada possível para quem estã rotinado no trail.

No feminino e na geral, a LILIANA NEVES foi 4ª e a ANA PEDROSA foi 5ª. Nos escalões, a Liliana fez primeira e a Ana, 4ª. De notar que a Ana correu como senior, sendo junior.

Não houve classificação coletiva.

Uma última palavra para agradecer ao senhor Armando Pereira, administrador da pensão "Pereira Hostel & Guesthouse",  ilustrada pela 1ª foto, pelo bom acolhimento demonstrado aos nosso atletas. Graças a ele, os atleta do ACV tiveram direito a um banho quentinho, à chegada e ali mesmo ao lado. Obrigado!

Corta mato das Pedreiras

... e tudo o acv arrecadou!

pedreiraOnze inscritos, onze chegados e ONZE pódios!

Começamos pelo fim e pela esclarecedora vitória coletiva em masculinos, para o ACV.

Depois pela dupla presença - para não dizer tripla, com a coletiva - do BRUNO GASPAR: 1º da geral, 1º do escalão M35;

ANA PEDROSA foi a 2ª na geral e segunda sénior. Recorde-se que, outra vez, a Ana 'envelheceu' três anos para poder ser sénior...

O DANIEL BARBOSA viu-se grego para garantir a vitória tal a concorrência (feminina), nos juniores;

NARCISO FABIÃO e MIGUEL ANGELO ocuparam o mesmo lugar nos seus escalões: 2º;

Já o JOAQUIM QUITÉRIO e o MÁRIO HENRIQUES colocaram-se no lado oposto: 3º;

Com o 'lugar do morto' - o primeiro fora dos 'envelopes' - ficaram o JOSÉ MENDES, nos M40 e o CARLOS ALVES, nos seniores;

pedreiras2AMILCAR BRITO foi oitavo nos seniores e, num escalão que não tinha envelopes, EUGÉNIO MENDES foi 6º M55.

Com a pausa na chuva e uma temperatura bastante agradável, a dificuldade estava, apenas, na tripla subida ao moinho de vento. Curiosamente e com exceção do engripado Fabião, todos os outros participantes terão feito melhores tempos, ou completaram a prova com maiores facilidades, que em anos anteriores. Note-se que para muitos, era a segunda...

Resultados completos, AQUI

Ainda houve mais uma meia dúzia de atletas do ACV, este fim de semana, em ação na Corrida do Benfica. Porém, desconhecem-se os seus resultados...

 
  • Valsteam
  • Crédito Agrícola
  • Auto Mecânica da Confraria
  • Artebel
  • Parceiros Media
  • image
Hosting: Ilimitada Hosting Chile VPS