Get Adobe Flash player

7º Meeting Jovem ACV

cartaz 7 meeting

Reulamento

 

Corridas da Páscoa

Constância:

Muitos e boas!

Basta comitiva do Atlético foi a que se deslocou à tradicional e sempre entusiástica corrida pascal da vila poema: 13.

constnciaPese embora as magníficas prestações do Pedro Ferreira (RP) e do, ainda junior, Daniel Barbosa, os louros vieram das meninas. Vitória da Deonilde Costa, segundos lugares da Blandina Lourenço e da Ana Pedrosa e o terceiro lugar do pódio para a Liliana Neves.

Saúda-se, ainda, o auspicioso 'regresso' da Carolina Matias e um cheirinho da 'recuperação' do Mário Henriques.

A vitória na prova coube a ... um júnior!

21 PEDRO FERREIRA 35:58
46 MÁRIO HENRIQUES 38;05
52 JOAQUIM QUITÉRIO 38:19  
92 DANIEL BARBOSA 40:43
102 ANA PEDROSA 41:11
107 HELDER MIRANDA 41:23  
122 DEONILDE COSTA 41:56
168 BLANDINA LOURENÇO 44:18
183 LILIANA NEVES 44:57
220 CAROLINA MATIAS 46:21
297 ELSA SOARES 50:01
316 ALFREDO SANTOS 51:00  
390 ADRIANA COSTA 56:57  
       

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Atouguia da Baleia:

Trail em versão light

Toda a gente falava duma tal "Irene" que ameaçaria tudo e todos os que se atrevessem a tirar o rabinho da cama para fazer o que quer que fosse... Nada disso! Na zona saloia do nosso distrito o sol foi rei e o dia esteve cinco estrelas. Condições magníficas para a prática de uma boa corrida. Contudo, a organização do 1º Grande Prémio da Atouguia da Baleia tinha reservado para todos os visitantes uma prova com um percurso sui generis.. Mais parecia um trail ou, se quisermos, um corta mato. Não está em causa a beleza e a ruralidade do percurso mas, e apenas, a surpresa.

atouguiaDada a partida, logo se nos deparou uma ligeira mas extensa subida - quase dois quilómetros - e, depois, ao entrarmos na via macdamizada, ficámos a perceber que tínhamos que 'gramar' com o sobe e desce permanente pelo meio dos couvais. Nem a aproximação da bonita paisagem da barragem de S. Domingues retirou dificuldade ao percurso, firme mas escorregadio.

Prova bonita mas complicada.

O nosso melhor foi o AMÍLCAR BRITO que fez 6º lugar no escalão e 17º da geral, com 36:59;

O NARCISO FABIÃO fez 37:48 para completar os 10 km da prova, na 23ª posição da geral e 4º no escalão;

Muito mais atrás e tendo tempo para coligir todas estas informações, apareceu, cansado, na meta o EUGÉNIO MENDES: 128 do geral, 9º no escalão  e com 48:20.

Depois do banho retemperador, da sopa e duma bifana, o regresso com a satisfação do dever comprido.

O próximo fim de semana adivinha-se muito complicado: duas provas; três dúvidas!

Boa Páscoa, pessoal!

Não se estraguem...!

 

Salto em altura distrital e Master PC

Atlético Clube de Vermoil sagra-se vice-campeão distrital

saltoemaltura18Na Batalha, neste fim de semana, decorreu mais um campeonato distrital do salto em altura onde obtivemos uma excelente participação, como comprova o titulo de vice-campeões distritais coletivamente. Para este feito contribuíram um atleta de cada escalão e género, destacando Sofia Lavreshina que foi campeã distrital em iniciadas e os 3º lugares de Alexandre Babych em Infantis e Helena Morgado em Juvenis. Fora deste campeonato participaram também os benjamins B e ai tivemos mais uma vencedora sendo ela Eva Marques. Eis os resultados de todos os atletas:

Eva Marques - Benj B: 1º 1,05
Sofia Lavreshina - Ini: 1º 1,46
Alexandre Babych - Inf: 3º 1,28
Helena Morgado - Juv: 3º 1,26
Joana Ferreira - Ini: 5º 1,26
José Neves - Juv: 5º 1,51
Martim Costa - Ini: 5º 1,51
Tiago Gama - Ini: 7º 1,46
Francisca Abreu - Inf: 8º 1,15

Parabéns a todos.

 

Campeonato nacional de Veteranos em Pista Coberta

master 1

George Silva campeão nacional

Daniel Covas no pódio nos 60m e 200m

Mais uma boa prestação dos nosso veteranos da pista com destaque para a renovação do titulo do salto com vara do nosso atleta e treinador George Silva no salto com Vara. Este ainda participou nas corridas de velocidade e não fosse um pequeno problema físico e poderia ter alcançado mais uns pódios. Quem já nos habituou também com a presença assídua nos pódios foi Daniel Covas que volta a alcançar o pódio nos 60m ao ser vice-campeão nacional e nos 200m com o 3º lugar.

masterParabéns a ambos pelas magnificas prestações.

 

Meeting António Monteiro

Circuito de Meio Fundo da ADAL

ANA, BLANDINA  e DANIEL vencem 1500m

A moda pegou!

Por iniciativa da ADAL, duas vezes por ano, os atletas da Estrada sobem (ou descem) à pista para mostrarem 'como é que é'...

28336479 1826757110691843 3413277178887971236 o

Na coberta (pista, naturalmente) o espaço encontrado foi o Meeting António Monteiro, que se realiza no finalzinho da época respetiva e a prova escolhida foi os 1500m. Sete voltas e meia distribuídas, ou multiplicadas por tantas as séries quanto necessárias. Este ano foram 6. Só o(a)s veteranos "encheram" três!!!

A primeira a entrar em ação foi a ANA PEDROSA, com 5:04'87'' foi 3ª na sua série e venceu a prova no circuito. Seguiu-se a BLANDINA LOURENÇO, com 5:50'33'' foi a primeira na sua série e circuito. 

A primeira série masculina foi reservada aos séniores, juvenis e juniores. O nosso representante, CARLOS ALVES fez 4:26'21'' e o segundo melhor S23 da ADAL. Na segunda série, também dos mesmos escalões, AMILCAR BRITO foi 4º, com 4:37'60'', posicionando-se na geral como 5º SM da ADAL. Logo a seguir, com 4:39'68'' o DANIEL BARBOSA foi o vencedor dos JM da ADAL.

Seguiu-se a 3ª série, primeira de duas para veteranos masculinos, logo com o NARCISO FABIÃO  a obter a marca de 4:37'36'', 3º na série e 2º M40; PEDRO FERREIRA, logo após com 4:42'01'' (3º M40); JOSÉ SANTOS, 5:02'98'' (2º M45) e HELDER MIRANDA, 5:06'54'' (4º M35).

Na última série da tarde, os menos rápidos do dia: EUGÉNIO MENDES, 5:59'41'' (1º M55) e o DIOGO OLIVEIRA, que 'marcou' 9:01'70''.

Coletivamente o ACV fez o 3º lugar, apenas a um ponto do 2º.

Após esta jornada, quatro atletas do ACV comandam os respetivos escalões do Circuito de Meio Fundo da ADAL: Daniel Barbosa, nos JM; Amilcar Brito, nos SM, Blandina Lourenço, nas F35 e Eugénio Mendes, nos M55. O ACV segue em terceiro lugar. Próxima prova: GP de Atouguia da Baleia.

 

 

Campeonato Nacional de Corta Mato Longo

Senhoras brilham no Alentejo

...ACV representado exclusivanente no feminino

monforteCom os homens encolhidos por causa dos "Felix", "Giselas" ou dos "Hugos", as nossas veteranas não estiveram com quês nem para quês e abalaram por esse Alentejo acima para representar em causa própria a 'hombridade' do Atlético Clube de Vermoil.

Num percurso ventoso, enlameado e com algum desnível foi vê-las (nem por isso... Para a RTP, atletismo - mesmo um Nacional - é só para a Elite) ombrear com os, também veteranos, do sexo oposto. Oito duros quilómetros serpenteando a inóspida paisagem alentejana...

A DEONILDE COSTA foi a primeira a chegar: 39'52'' - 4º lugar do escalão (F40). Náo fora a queda ... e o pódio não lhe escaparia!

Com o tempo de 42'32'' chegou a LILIANA NEVES - 5º lugar do escalão (F35). Sucedeu-lhe a ELSA SOARES, no mesmo escalão, na 10ª posição com o tempo de quarenta e seis minutos, certos.

Durante a tarde do dia da prova a FPA dava o ACV como classificado, na sexta posição com 26 pontos. Algo estava mal... primeiro no número de pontos: seriam 14 e não 26. Depois... segundo os Regulamentos, seriam necessários - no mínimo - cinco elementos para se obter a classificação coletiva. Portanto (no que toca à classificação coletiva..,) nada feito!o acv no cncm 001

Há que realçar, porém, quer a atitude quer o desempenho das nossas guerreiras na representação das nossas cores.

Bravo, meninas!

 

Campeonato Nacional de Sub 23

Boas Esperanças ACV

28701373 1732764610115969 7209219436314307859 oNo passado fim de semana tivemos 3 atletas da área da resistência e ainda juniores a participar no campeonato nacional da categoria Sub23 obtendo prestações de relevo e excelentes recordes pessoais. Começando pela Ana Luísa Pedrosa que alcançou o fantástico 8º lugar na prova de 800m e com excelente recorde pessoal absoluto de 2.22,84s, marca essa que passa a ser o novo recorde do clube de juniores e seniores femininos. Passando para o género masculino, tivemos em destaque o nosso atleta João Ferreira que participou na prova de 1500m com uma novo recorde pessoal de 4.04,87 que lhe valeu o 13º lugar e na prova de 800m onde termina em 10º com um novo recorde pessoal absoluto de 1.57, 41 e que passa a ser recorde do clube de juniores. Por fim, Bruno Gomes participou na prova de 1500m com uma performance interessante ao ser 18º e registando um crono de 4.10,95.

Parabéns aos atletas e respetivos treinadores.

 

Campeonato Distrital de Corta Mato Curto

Raça de campeões...

Bruno, Inês, Deonilde e Ana Luisa...

...Seniores F e Veteranos M/F

Tínhamos pedido a desforra...

Reconhecemos o mérito e valor do(s) adversário(s), mas sabemos do nosso valor e sobretudo da raça e vontade enorme de vencer dos nossos homens...

O(s) adversário(s) não se podem distrair senão... não perdoamos!

O mesmo número de pontos (26) mas o mérito e a valorização da garra de querer dar tudo: fechámos primeiro. Ganhámos em veteranos!

Valeu a revolta do MIGUEL (3º na geral 1º nos M45), a consistência do NARCISO (10º da geral e 3º M40), o cerrar de dentes do PEDRO (13º)  e - claro - o habitual brilho do BRUNO (1º da geral e 1º M35). Pelo meio ainda ficou o LICÍNIO (12º), mas este não valia para as contas. Valeu para atrapalhar o adversário e na consistência de uma equipa que se completa. Depois foram aparecendo na meta, personalisando o espírito de união e empenho de todo o grupo, o NELSON (32º), o HELDER (41º) e o VITOR (42º) e o EUGÉNIO (50º). Infelizmente, em vésperas de aniversário, o MÁRIO não conseguiu completar a prova. Ninguém se atreve, porém, a pôr em causa a sua determinação em dar tudo para ajudar os colegas. Enquamto durou, ele sabia do seu papel; que o seu desempenho poderia ser vital...

camp distritaisNos juniores, de novo sozinho, o BARBOSA voltou a ser quarto classificado.

Os dois seniores masculinos disponíveis - sabendo-se  arredados de qualquer veleidade de conquistarem o título (que está firme de pedra e cal na Caranguejeira) - voltaram a contar com a ajuda voluntariosa dos mesmos dois veteranos. Assim, o CARLOS (4º) subiu bastantes lugares em relação à pretéria semana relegando a posição (11º) para o AMILCAR. Os 'reforços' JOSÉ (18º) e JOAQUIM (20º) ajudaram a repetir o vice campeonato, no escalão de seniores, para o ACV.

Delas - das senhoras - já tinha sido quase tudo dito: não têm rivais! Individual e coletivamente ganharam.. tudo! A ANA LUISA (1ª) e a INÊS SANTOS (1ª) uniram-se na entreajuda para vencerem, cada qual no seu escalão: junior e senior. Quando acabaram, apenas tiveram que esperar pela ADRIANA (3ª) e pela INÊS LOPES (4ª) para vencerem coletivamente em séniores. Um pouco mais atrás a DEONILDE (1ª) era seguida de perto pela BLANDINA (2ª), pela ELSA (7ª) e pela LILIANA (8ª) para vencerem folgadamente em veteranas.

Ao todo estiveram em ação 24 atletas do Atlético Clube de Vermoil que conquistaram 7 títulos de Campeões distritais: 3 coletivos e quatro individuais.

raaOs escalões de formação (muito desfalcados. Apenas 7 representantes...) viram as suas prestações assim: o iniciado LEANDRO COSTA foi 2º e MARTIM COSTA 7º enquanto que nas meninas a SOFIA LAVRESHINA foi 5ª e a SARA VIEIRA 14ª. Nos benjamins B a melhor foi a EVA MARQUES (4ª) e o EDGAR GONÇALVES foi 9º. Finalmente, nos juvenis, o PAULO LITVINOV foi 3º. Não conseguimos apresentar equipa em nehum dos escalões...

E pronto! Finda que está a época do corta mato (a participação nos Nacionais parece estar dificil por causa das distâncias...), a malta da Estrada vai entrar em modo de descompressão visando a sua participação em provas na dita, não sem antes - no dia 24 - dar um ar da sua graça na Pista Coberta, Meeting A. Monteiro - 1500m - a contar para o Circuito de meio fundo da ADAL. Os outros, os do tartan, vão estar em evidência, no próximo fim de semana, na Expocentro em mais uma final do Nacional de Clubes (2ª Divisão). Boa sorte!

Classificações gerais, AQUI

Fotos ACV (e não só), AQUI

 

 
  • Valsteam
  • Crédito Agrícola
  • Auto Mecânica da Confraria
  • Artebel
  • Parceiros Media
  • image
Hosting: Ilimitada Hosting Chile VPS